Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Estande do ON atrai milhares de visitantes durante a Avenida da Ciência, na SBPC, em Campo Grande/MS

Publicado: Terça, 30 de Julho de 2019, 21h21 | Última atualização em Quarta, 31 de Julho de 2019, 22h09

O estande do ON recebeu mais de 4 mil visitantes durante os seis dias da Avenida da Ciência, mostra de Ciência e Tecnologia das unidades vinculadas ao MCTIC, realizada durante a reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), em Campo Grande/MS.

Com uma exposição temática sobre o centenário do eclipse de Sobral, o ON atraiu grande público, teve destaque na imprensa e conquistou mais de 500 novos seguidores no Instagram em uma semana. Experimentos lúdicos auxiliaram os visitantes a compreender a Teoria da Relatividade Geral, de Albert Einstein, com demonstrações feitas pelos pesquisadores do ON Camila Novaes, João Victor Sales e Ricardo Ogando.

O pesquisador João Victor fala da importância do eclipse de Sobral mostrando
a maquete dos instrumentos usados nas observações de 1919, no Ceará

A pesquisadora Camila Novaes explica o efeito das lentes gravitacionais utilizando um
experimento que permite demonstrar como a luz é desviada ao passar na vizinhança de galáxias

Uma animação em realidade virtual, desenvolvida e apresentada pelo tecnologista Jorge Mansur, permitiu ao público vivenciar o fenômeno que inseriu o Brasil na maior revolução da ciência do século 20 e compreender como o fenômeno comprovou a Teoria da Relatividade Geral.

Com a animação 3D, o visitante faz uma viagem a Sobral, tornando-se um
observador do eclipse, e faz também uma viagem ao espaço

Na Avenida, o ON também promoveu diversas sessões de observação do Sol, atraindo centenas de pessoas. Uma das sessões foi realizada em parceria com os integrantes do Clube de Astronomia Carl Sagan, da UFMS. “Sobre a parceria para a observação do Sol, era algo que nunca tínhamos feito por falta de equipamento protetor. Nós nunca tínhamos visto o Sol daquela forma que o equipamento do Observatório Nacional nos permitiu observar. Inclusive, gostei muito do telescópio newtoniano de vocês”, conta o estudante Henrique Amaral Arcuri, monitor do Clube de Astronomia Carl Sagan. O telescópio utilizado na observação em Campo Grande foi doado pela empresa Competitividade. Para possibilitar a observação do astro-rei, o telescópio ganhou um filtro especial, montado pelo pesquisador do ON Eugênio Reis.

Jean Carlo de Albuquerque e Henrique Arcuri , monitores do Clube de Astronomia Carl Sagan,
promovem observação do Sol para o público no estande do ON

A mediação das atividades do ON contou com o auxílio de duas monitoras da UFMS: Jéssica de Araújo Isaias Muller e Luciana Rocha Costa, doutorandas em Bioquímica, que estenderam seus interesses para a física moderna e deram aula para os visitantes, permitindo ao ON ampliar o atendimento ao público. A monitoria por alunos da UFMS foi organizada pela Coordenação de Popularização da Ciência do MCTIC, e promoveu a interação entre os expositores da Avenida da Ciência e 50 voluntários. Ao todo, na SBPC, foram 550 monitores, informou o coordenador-geral de Popularização da Ciência, Ivo Leite Filho.

A experiência foi marcante para as duas estudantes. "A minha experiência como monitora no estande do ON foi ótima pois todos foram superatenciosos em me receber mesmo eu não  sendo da área. Ainda, consegui ensinar pessoas de todas as idades e níveis de escolaridade a importância do eclipse solar de Sobral e como esse evento contribuiu com a comprovação da teoria da relatividade geral de Einstein", conta Jéssica.

"A monitoria no estande da ON me aproximou dessa área que sempre admirei, a astronomia. Quando escolhi este estande, imaginava que a experiência seria enriquecedora, porém foi muito melhor do que pensei. Ter contato e aprender sobre a importância do eclipse solar de Sobral com astrônomos e outros profissionais tão qualificados foi incrível e uma honra", relata Luciana. E o trabalho pode render frutos. "Além do conhecimento, a experiência deixa em mim a curiosidade de aprender mais sobre o universo, tanto que pretendo participar do Clube de Astronomia Carl Sagan na UFMS", planeja Luciana.

Luciana Costa, monitora voluntária no estande do ON, explica a deformação do espaço-tempo

Jéssica Muller, monitora voluntária, explica o desvio da luz no Universo,
um dos desdobramentos da Teoria da Relatividade Geral

O Ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o astronauta Marcos Pontes, visitou o estande do ON na sexta-feira, dia 26 de julho. Na tarde do mesmo dia, reuniu-se com os dirigentes das unidades vinculadas. O diretor do ON, João dos Anjos, participou do encontro junto aos demais diretores, que teve como pauta a situação orçamentária atual do MCTIC, as perspectivas para 2020, que incluem uma melhora substancial no orçamento, e as prioridades do ministério para os próximos anos.  

O diretor do ON, João dos Anjos, e o Ministro Marcos Pontes, em visita ao estande na Avenida da Ciência

Encontro do Ministro Marcos Pontes com os dirigentes das unidades de pesquisa, na UFMS, durante a SBPC
 

As atividades do ON na cidade não ficaram restritas ao estande. Durante a estada em Campo Grande, o pesquisador Ricardo Ogando fez palestra no Clube de Astronomia Carl Sagan. “A visita do Ricardo foi ótima, trouxe-nos um conhecimento que até então era mínimo para o clube. Se eu fosse resumir em uma frase seria: uma visita de muito aprendizado para todos os presentes”, conta Henrique Arcuri, monitor do Clube de Astronomia.

O astrônomo Ricardo Ogando ainda visitou duas escolas municipais, promovendo um bate-papo animado com estudantes de ensino fundamental. Cerca de 150 estudantes das escolas municipais José Dorileo de Pina e Prof. Alcidio Pimentel puderam tirar suas dúvidas e fazer muitos questionamentos sobre astronomia.

Ricardo Ogando bate-papo com estudantes da Escola Municipal  José Dorileo de Pina

Alunos da Escola Alcídio Pimentel participam do bate-papo com astrônomo do ON

Ogando posa com alunos que acertaram as perguntas do quiz durante o bate-papo na
Escola Alcídio Pimentel e receberam kits com material de divulgação da ciência do ON.
Rafaella, estudante ao lado do pesquisador na foto, foi quem fez o convite a Ogando, por meio do cartão postal

 

A visita às escolas resultou de uma parceria entre o MCTIC e a Secretaria Municipal de Educação. Em março, estudantes da rede pública enviaram cartões postais a diversos pesquisadores, convidando-os a conhecer a cidade e visitar as escolas. Ricardo Ogando recebeu o cartão da estudante Rafaella Arissa, aluna do sexto ano da escola Alcídio Pimentel, localizada na região central da cidade. Ogando respondeu ao postal e a estudante escreveu uma nova carta, surpresa com a resposta do pesquisador. O encontro entre os dois não poderia ter sido mais emocionante: Rafaella ainda não havia conhecido um cientista!

O presidente da SBPC, professor Ildeu de Castro Moreira, esteve no estande do ON. "A participação do ON nesta SBPC foi muito legal. Atraiu e entusiasmou milhares de pessoas, em particular jovens que por ali passaram.  Exibições criativas sobre o eclipse de Sobral, observações do Sol em telescópio com filtro especial, visitas e palestras em escolas municipais foram alguns dos destaques marcantes. Muito obrigado ao ON, sempre presente e ativo nas reuniões da SBPC. Esperamos vocês em Natal, em 2020."

 

Equipe do ON na SBPC 2019, da esquerda para a direita:
Camila Novaes, João Victor (à frente), Jorge Mansur, Alba Lívia e Ricardo Ogando

A experiência na Avenida da Ciência deixou boas lembranças nos expositores do ON.

“A SBPC é uma grande oportunidade para popularizar a ciência que é feita no Brasil com muita competência. Ver esse resultado é combustível para fazermos mais. Conseguimos fazer com que o ON fosse mais conhecido pela população. Ver os visitantes procurarem o estande do ON foi emocionante. Ver as pessoas fascinadas com o que aprendiam ali faz ver a importância da ciência e o potencial que existe no País!” - Alba Lívia

“Eu nunca vou esquecer da experiência de participar da SBPC com vocês. O evento nos permitiu levar o ON e a ciência, de forma fácil e acessível, até as pessoas. Ver o resultado disso no rosto dos visitantes não tem preço.” - Camila Novaes

“Essa experiência na SBPC foi realmente incrível. É cansativa, mas ver o brilho nos olhos de algumas pessoas que passaram no nosso estande não tem preço. Levarei para a vida. Esse brilho nos olhos foi graças a transformação que vocês provocaram nessas pessoas através do conhecimento.” - João Victor Sales

“Foi uma semana de muito trabalho e de uma felicidade indescritível em apresentar o nosso ON para tanta gente.”Jorge Mansur

“Foi uma semana incrível. O ON conseguiu deixar impressa sua marca em Campo Grande.” - Ricardo Ogando

 

ON na mídia:

Encontro científico: O encantamento dos visitantes com experiências e pesquisas

TV Morena, afiliada da TV Globo

MT TV 2ª edição – 23/07/2019 com reprise no Bom Dia MS – 24/07/2019

 

Ricardo Ogando em entrevista à repórter Cláudia Gaigher, da TV Morena,
afiliada da TV Globo no Mato Grosso do Sul
 

Organizadores esperam mais de 12 mil pessoas no evento da SBPC na UFMS

SBT MS – SBTMS Notícias  - 22/07/2019

 

Jorge Mansur concede entrevista à repórter Cristiany Pazeto, do SBT do Mato Grosso do Sul

Alunos de escolas públicas convidam pesquisadores da SBPC a conhecerem escolas

TV Morena, afiliada da TV Globo – MT TV 1ª edição – 27/07/2019

Brasileiros participam pouco de eventos de ciência, diz pesquisa

TV Globo – Jornal Nacional – 27/07/2019

Programa Mega Shake

Rádio Mega 94 – 26/07/2019

Canal MCTIC – Ricardo Ogando – Observatório Nacional

Facebook do MCTIC - 24/07/2019

Brasil Com Ciência

TVT - próxima edição (ainda não disponível)

Rádio UFMS (ao vivo, não disponível)

TV UFMS (não disponível)

 

Fim do conteúdo da página